TEXTOS AUTORAIS

Todos os textos aqui publicados são de autoria de Ala Voloshyn.
Direitos autorais são protegidos pela Lei 9.610, de 19 de Fevereiro de 1968.

ONDE MAIS O QUE ESCREVO É LIDO

PESQUISE ESTE BLOG

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Um Jeito Estranho de Amar


Jeito estranho de amar
Misto de dor e prazer
Alegria e tristeza
Medo e solidão

De tanto amor o desejo de prender é maior
Prender pra não perder
Prender pra não doer

Quanto mais prende
Mais dor sente

Sufoca

Perde

Infinito sofrer

Quem assim ama não entende
Que amor não sente

ARQUIVO DO BLOG

NOTA

As fotos utilizadas neste blog são da web ou de amigos, como Bell Felipe, Jac Rizzo (http://jacrizzo.blogspot.com), Adriane (http://tramasecacos.blogspot.com). As telas de pintura são de minha autoria.