TEXTOS AUTORAIS

Todos os textos aqui publicados são de autoria de Ala Voloshyn.
Direitos autorais são protegidos pela Lei 9.610, de 19 de Fevereiro de 1968.

ONDE MAIS O QUE ESCREVO É LIDO

PESQUISE ESTE BLOG

sábado, 17 de dezembro de 2011

É Possível Ser Feliz


Parando o tempo, olhando o mesmo ponto, repetindo uma história que insiste em marcar tempos infelizes. Lágrimas revelam a dor maior de não ser feliz. Tudo se mostra do mesmo jeito embora a vontade seja de algo diferente, mas as raízes parecem profundas a sustentar visões que na verdade não se deseja esquecer. E assim se fortalece uma prisão lunar difícil de se livrar.
Difícil sim, mas impossível não. Nada é impossível para aquele que traz a esperança a apontar para um Norte certo de existir.
O choro intenso leva para as profundezas da alma como aquele que dá impulso maior para mais fundo mergulhar. E quando se atinge o fundo é sinal de que é chegada a hora de voltar. Subir, cada vez mais rápido subir e na superfície encontrar o sol a brilhar. Um sol que sempre esteve em seu lugar, mas encoberto pela tristeza da desesperança e pelo vício do olhar.
Quem ao fundo chegou jamais será o mesmo quando mergulhou. Quebrar barreiras, destruir as fronteiras que isolam e violam o direito de se libertar. A vontade é soberana e ousar é a regra para mais alto estar.
É preciso acreditar que a vida pode brilhar, mesmo que seja por um instante e viver diferente o que não mais podia pulsar.
Vida nova surgindo do velho padrão trazendo a certeza de que é possível ser feliz, mesmo que por um instante, uma pequena fração capaz de mudar permanentes dias de escuridão. Alquimia no poder de se transformar a cada desejo de ser feliz e se elevar a outros mundos por intermináveis dias ou por um instante, o que não faz diferença, pois nas Alturas não existe o tempo que o concreto insiste em pautar, tudo é infinito e pulsa sem parar.

© Direitos reservados a Ala Voloshyn

Ilustração: Obra de Modigliani

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ARQUIVO DO BLOG

NOTA

As fotos utilizadas neste blog são da web ou de amigos, como Bell Felipe, Jac Rizzo (http://jacrizzo.blogspot.com), Adriane (http://tramasecacos.blogspot.com). As telas de pintura são de minha autoria.