TEXTOS AUTORAIS

Todos os textos aqui publicados são de autoria de Ala Voloshyn.
Direitos autorais são protegidos pela Lei 9.610, de 19 de Fevereiro de 1968.

ONDE MAIS O QUE ESCREVO É LIDO

PESQUISE ESTE BLOG

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Companheiro

Google
O companheiro não tem cor, raça, sexo, credo, nacionalidade, grau de parentesco ou amizade, pois  é irrelevante. Ele aparece nas horas mais difíceis e não abandona. Dá ao outro o que precisa, pode ser dinheiro, aconchego, uma palavra de conforto, um conselho, tudo na medida do seu possível, pois o companheiro não pretende ser um herói de história em quadrinhos, apenas quer ajudar. Seu senso de compaixão é mais desenvolvido que sua vaidade.
Não tem uma aparência muito clara, por isso, pode ser confundido com o puxa saco, mas só no primeiro momento, porque quando as coisas ficam difíceis mesmo, o puxa saco é o primeiro a largar a cena do problema, mas o companheiro não, este não sai de perto até que não seja mais necessário.
Nos dias de hoje, em que vivemos a disseminação de valores pobres em conteúdo e verdade, muitas vezes desacreditamos que tenhamos ajuda numa hora de dificuldade. O culto à autonomia fundamentada no poder financeiro dá a falsa impressão de que não se precisa de ninguém, afastando-nos uns dos outros. Por sorte, há quem não acredite nesta ilusão, o companheiro simplesmente cumpre seu papel de apoio e sente-se feliz por isso, pois sabe dentro de seu coração, o valor de uma mão estendida numa hora de dor, medo ou desanimo. Não se deixa vencer pela mediocridade do egoísmo e pobreza ética. Pode esmorecer em alguns momentos por se defrontar com questões que nos desvirtuam do bem viver, mas acredito que não lhe faltará um companheiro nesta hora, nem que seja apenas um, mesmo porque, isto não faz a mínima diferença, quando se tem um companheiro de verdade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ARQUIVO DO BLOG

NOTA

As fotos utilizadas neste blog são da web ou de amigos, como Bell Felipe, Jac Rizzo (http://jacrizzo.blogspot.com), Adriane (http://tramasecacos.blogspot.com). As telas de pintura são de minha autoria.